Graça Craidy apresenta 23 aquarelas em exposição

13

Flores! Nesta terça-feira, dia 19 de setembro, às 18h, a artista Graça Craidy inaugura uma mostra com 23 aquarelas no Café do Porto. Hibiscos, azaléias, camélias, strelitzias, entre outras, levam a primavera para as paredes do tradicional espaço da Padre Chagas, três dias antes de a estação ser oficialmente inaugurada.

Graça, conhecida por suas pinturas expressionistas de denúncia sobre violência contra a mulher (Até que a morte nos separe, Livrai-nos do Mal), desta vez suaviza o gesto e se dedica ao exercício de uma das técnicas mais antigas e delicadas da arte da pintura, praticada por ela com a professora Ana Lovatto, no Atelier Livre da Prefeitura de Porto Alegre.

Inventada na China há 2000 anos, a aquarela, que na Europa foi usada geralmente para esboçar os anteprojetos das obras dos grandes mestres, ganhou notoriedade no mundo ocidental renascentista com o alemão Albrecht Dürer, e conquistou seus dias de glória com o britânico WilliamTurner no século 19. Também frequenta, com grande estilo, os compêndios de botânica e biologia e os diários dos viajantes, como o do francês Jean-Baptiste Debret, que registrou o Brasil dos anos 1800 para a posteridade.

” Aquarelar é um outro jeito de voar”, diz explica a artista, que confessa ser apaixonada por aquarela, palavra cuja tradução para o japonês – não à toa – nomeia-se “ukyo-e” (mundo flutuante). “A aquarela me acalma, me faz transcender, é como se minha alma saísse de mim e desaguasse no papel” – poetiza Graça.

A mostra vai até 2 de outubro, no horário de funcionamento do café, e todas as obras estão à venda.

SERVIÇO
O quê: Exposição Delicadezas, Aquarelas de Graça Craidy.
Quando: de 19 de setembro a 2 de outubro de 2017
Onde: Café do Porto, Rua Padre Chagas, 293 – M. Vento -Porto Alegre, RS
Telefone: (51) 3346-8385
Horário: Das 8h às 23h, diariamente.
Abertura: dia 19, às 18h.

Informações via assessoria de imprensa

Comentários